Você está aqui: Página Inicial Verso e prosa Poesia Noctívaga

Noctívaga

NOCTÍVAGA

No meio dessa gritaria
Arde
Subjacente a essa face fria
Um rugir silencioso
Que grita mais que tudo
E é surdo.

Ações do documento
« Novembro 2019 »
Novembro
DoSeTeQuQuSeSa
12
3456789
10111213141516
17181920212223
24252627282930