Você está aqui: Página Inicial Verso e prosa Poesia Meu sonho

Meu sonho

MEU SONHO

 

Bordei  o tecido do meu sonho a tinta

com pincel a jato e bordô profundo

e o meu cabelo aerografado

acordou as flores, respingou estrelas

o meu sonho, que não é palavra

transparece e grita em amarelo-vivo

para que muitas outras vidas sonhem

para que muitos outros sonhos vivam   

 

 

Ações do documento
« Novembro 2019 »
Novembro
DoSeTeQuQuSeSa
12
3456789
10111213141516
17181920212223
24252627282930